Comer muito ou pouco, ou uma dieta desequilibrada é uma das principais causas da obesidade e da falta de energia, o que pode levar a muitos problemas de saúde. 

O apetite é regulado por hormônios e produtos químicos no cérebro. Esses hormônios e produtos químicos estão envolvidos no modo como você se sente em relação aos alimentos e à quantidade que come. Um dos principais hormônios envolvidos na regulação do apetite é a leptina, uma proteína produzida em células de gordura, que diz ao cérebro quanta gordura você tem armazenada.

Se você tem uma alta taxa metabólica e queima através de calorias rapidamente, você produzirá mais leptina. Se você não queimar através de calorias tão rapidamente, você não produzirá tanta leptina, o que pode resultar em superalimentação e falta de energia.

A fibra é uma substância que ajuda a diminuir a velocidade de absorção dos alimentos e do estômago. Isto retarda o quanto você come e lhe dá mais tempo para pensar sobre o que você comeu. 

De acordo com o American Journal of Clinical Nutrition, dietas com alto teor de fibra estão ligadas a níveis mais baixos de ghrelin, o hormônio que estimula o apetite. Ele também ajuda a diminuir a quantidade de insulina produzida pelo pâncreas, o que pode ajudar a suprimir o apetite. 

A fibra é encontrada em muitos alimentos diferentes. É encontrada em farinhas integrais, frutas, vegetais, legumes e algumas carnes, como ervilhas e feijões. Nem todas as fibras são criadas da mesma forma. A fibra solúvel se liga com água no trato digestivo e ajuda no movimento. 

Benefícios das fibras para a saúde 

  • Risco diminuído de doenças cardiovasculares 
  • Risco diminuído de diabetes tipo 2 
  • Níveis mais baixos de colesterol ruim (LDL) e triglicérides 
  • Promoção da saúde intestinal 

Menor risco de obesidade e diabetes 

 Estima-se que o uso de dietas de alta fibra pode ajudar a diminuir os riscos de obesidade e diabetes. A fibra ajuda a diminuir a rapidez com que os alimentos são absorvidos, o que diminui a quantidade de comida e dá mais tempo para pensar no que se está comendo. 

Fibras que diminuem o apetite

Dietas com alto teor de fibra também diminuem a probabilidade de desenvolver resistência à insulina ou diabetes, diminuindo os níveis de grelina na corrente sanguínea. O American Journal of Clinical Nutrition descobriu que dietas com alto teor de fibra podem ajudar a diminuir o risco de se tornar obeso ou diabético. 

Um aumento na ingestão de fibras estava ligado a uma diminuição no peso corporal, na circunferência da cintura e na relação cintura/quadril. Além disso, um aumento na ingestão de fibras foi associado a uma redução nos níveis de triglicerídeos e níveis de insulina em jejum, o que ajuda a reduzir fatores de risco de diabetes, tais como obesidade e doenças relacionadas à obesidade, como diabetes tipo 2 e síndrome metabólica. 

 Ajuda na digestão e evacuação intestinal 

 Outro benefício importante da fibra é que ela ajuda na digestão, nos movimentos intestinais e em outros benefícios para a saúde. A fibra solúvel se liga à água no trato digestivo, o que facilita a movimentação dos alimentos através do sistema digestivo. Ela também previne a constipação, diarréia e hemorróidas. 

A fibra também é uma parte fundamental de uma dieta saudável; ela pode ajudar a regular os níveis de açúcar no sangue, o que, por sua vez, pode ajudar no controle de peso. A fibra também pode reduzir os níveis de colesterol e melhorar a saúde geral do coração. 

A fibra redutora do apetite tem muitos benefícios que vale a pena considerar ao desenvolver seu plano de dieta ou regime de suplementos. 

Ajuda a controlar o açúcar no sangue 

 A fibra pode ajudar a controlar o açúcar no sangue e evitar picos e quedas nos níveis de açúcar no sangue. Isto ajuda a equilibrar seus níveis de energia, o que é importante para a manutenção de um peso saudável. 

Dietas de alta fibra também estão ligadas à redução do risco de desenvolver diabetes tipo 2, de acordo com a Associação Americana de Diabetes. As fibras ajudam o corpo a processar os carboidratos mais lentamente, o que pode ajudar a equilibrar os níveis de açúcar no sangue e regular a produção de insulina. 

Algumas fontes de fibras incluem grãos inteiros, legumes, legumes, frutas, nozes e sementes. 

Fibras que diminuem o apetite

Pontas para perda de peso com foco em fibra 

  • Beba mais água 
  • Comer uma dieta rica em fibras 
  • Corte de açúcar, carboidratos refinados e alimentos processados 
  • Evitar petiscos entre as refeições